Projeto em tramitação pode autorizar o saque total do FGTS | SBT Brasil



Hoje, com a reforma trabalhista, a demissão de comum acordo passa a ser legal. A empresa paga uma multa menor e o funcionário pode movimentar até 80% do FGTS. Desde que isso passou a ser possível, há cinco meses, mais de 41 mil acordos já foram homologados. O acordo é interessante principalmente para setores que tem uma rotatividade mais alta - como a tecnologia, por exemplo.



1 visualização

MEUS CURSOS

Carta de Investimento

curso online

Marketing para Pequenas e Médias Empresas

Reunião ao ar livre

curso online

Google Ads do Básico ao Avançado