METAS SMART: ENTENDA O QUE É NA PRÁTICA E COMO VOCÊ PODE IMPLEMENTAR NA SUA EMPRESA




Definir metas para uma empresa nunca é um caminho fácil, se não for feito com cuidado existe o risco de deixar algo importante de lado e focar em ações desnecessárias. Ter metas que cubram diversas áreas da empresa é quase sempre benéfico, mas há algumas desvantagens em ter metas em excesso. Como diria Peter Drucker:

“Não há nada mais inútil do que fazer bem feito algo que não precisava ser feito”

Outras vezes, as pessoas estabelecem metas que não são realizáveis. Embora elas possam inspirar uma pessoa e engajar colaboradores no começo, geralmente levam à frustração e ao desapontamento quando não são alcançadas. É por isso que você precisa conhecer as metas SMART, uma metodologia para ser mais assertivo ao fazer essa definição de metas.


Afinal o que são metas SMART?


Na prática, as metas SMART podem ser definidas como a solução ideal para auxiliar pessoas, times e empresas a definirem aonde querem chegar. Essas metas são definidas seguindo um padrão e com critérios específicos, que são facilmente lembrados usando a sigla SMART.

  • S – Specific (específico)

  • M – Measurable (mensurável)

  • A – Attainable (atingível)

  • R – Relevant (relevante)

  • T – Time based (temporal)

Definir metas SMART, que são sempre diferenciadas quando comparamos com as metas simples, vai ajudar a trazer o máximo de resultados para sua empresa e seus times. Mas como criar esse tipo de meta no seu dia a dia?


Desenvolvendo as metas SMART!


Para desenvolver metas SMART, é preciso conhecer a fundo o significado por trás de cada uma das palavras relacionadas ao acrônimo SMART. Ai depois tudo o que você precisa fazer é criar uma meta que atenda a cada um dos critérios que verá com detalhes a partir de agora.


S = Específico


Bons objetivos não podem ter duplo sentido. Por isso, para definir uma meta SMART, você precisa ter um objetivo claro e simples. Por exemplo, em vez de dizer “esse ano quero ter um corpo definido”, você poderia dizer “vou perder 10 quilos nos próximos 60 dias”.

Você pode ver como o exemplo é muito mais específico e, portanto, é um objetivo melhor? Com o tempo, nos acostumamos a criar metas abrangentes demais. Mas para ter resultados concretos, é importante ser cada vez mais específico.


M = Mensurável


Aqui o foco é entender que precisamos sempre definir metas mensuráveis, ou seja, que podem ser medidas. O acompanhamento de metas é uma parte importante da gestão de equipes e negócios.

Isso permite que você defina marcos que podem ser comemorados quando conseguir atingi-los e também reavaliar quando não foram alcançados. É fundamental ter sempre algum aspecto da sua meta que possa ser medido e avaliado de forma numérica.


A = Atingível


Muitas pessoas caem na armadilha de estabelecer metas impossíveis para si mesmas ou para suas equipes. Enquanto objetivos impossíveis podem empurrá-lo para a frente por um tempo, você certamente vai desistir deles em algum momento.

Em vez de impossíveis, seus objetivos devem ser desafiadores, mas sempre alcançáveis. Antes de definir uma meta, tenha certeza de que você ou seu time realmente tem a possibilidade de atingir.


R = Relevante


Nem todas as metas valem como as outras. A menos que seu objetivo seja relevante para o seu plano estratégico, alcançá-lo pode não significar nada.

Para garantir que sua meta seja relevante, certifique-se de que valha a pena, certifique-se de que alcançá-la proporcionará benefícios positivos à empresa e certifique-se de que essa meta esteja alinhada com as outras metas que o negócio tem.


T = Temporal


Boas metas precisam ter um tempo limite associada a elas. Por exemplo, em vez de dizer “quero começar a ler mais livros”, você poderia dizer “vou ler dois livros nos próximos três meses”.

A pessoa que estabeleceu a segunda meta estará mais motivada para ter sucesso, já que tem um tempo específico em mente para cumprir.

Perceba também como esse segunda meta se encaixa perfeitamente no padrão SMART!


Além de ser temporal (T), ela é bem específica (S) e focada em um caminho, é mensurável (M) tanto em relação ao tempo como a quantidade, é facilmente atingível (A) e também relevante (R). Afinal, um bom livro pode ajudar qualquer pessoa.

Confira este infográfico veja um resumo das metas SMART.

5 visualizações

VAMOS CONVERSAR

  • YouTube
  • LinkedIn
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Branca Ícone Pinterest

© 2019 por Eduardo Campelo