MÍDIA PAGA X MÍDIA ORGÂNICA: Quem ganha essa briga?



Se você trabalha com marketing ou é um microempreendedor já se deparou com mídia paga e mídia orgânica, porém qual a diferença entre elas?


Diversos profissionais quando fazem alguma estrategia marketing digital, ficam restritos apenas nas redes sociais ou a um site bem feito. Pois esteja certo de que o marketing digital vai muito além.


Para dar o pontapé inicial na sua estratégia de marketing, é preciso fazer uma escolha aparentemente simples, mas que exige reflexão e alinhamento com as metas e principalmente com o budget: Devo utilizar mídia paga ou orgânica?


Mídia orgânica


A mídia orgânica, de forma simplificada, é a mídia não paga. Ela geralmente é conquistada por meio do Inbound Marketing, que consiste na oferta de conteúdo relevante com objetivo de atrair consumidores, conduzi-los da melhor forma ao longo do processo de compra e fidelizá-los.


O conteúdo empresarial veiculado em canais digitais oficiais, como blog posts, ou matérias que citem a organização na imprensa tradicional, desde que distribuídos de forma gratuita, são exemplos de mídia orgânica.


Resumidamente, o espaço e a mídia são conquistados, não comprados.


Vantagens da mídia orgânica


Uma das vantagens da mídia orgânica é a credibilidade. Como o espaço ou a visibilidade são conquistados, pressupõem-se que o conteúdo — e a empresa que o gerou — têm qualidade, o que gera confiabilidade.


O resultado?  Consumidores enxergam a marca como referência no assunto, é criada uma autoridade e, assim, cresce o sentimento de segurança por parte dos clientes potenciais.


E, não menos importantes, são os resultados a longo prazo: a mídia orgânica tem um retorno um pouco mais lento do que a mídia paga, mas ele tende a ser mais sólido e duradouro.


Mídia paga


A mídia paga, ao contrário da orgânica, exige investimento de capital. São os anúncios em redes sociais e sites, no próprio Google ou em sites parceiros. Este tipo de publicidade é feito por meio de banners, links patrocinados, impulsionamento de posts no Facebook, entre várias outras formas.


Atualmente, existe uma gama de possibilidades para criar, gerir e analisar campanhas publicitárias online. A maior parte dos canais de comunicação digitais aceita anúncios em diferentes formatos, das tradicionais imagens aos eficientes vídeos.


Vantagens da mídia paga


Entre as principais vantagens da mídia paga, estão os resultados rápidos e o alcance multiplicado. As ferramentas garantem que a sua empresa esteja disponível para um público amplo, fornecendo também a possibilidade de uma segmentação precisa e estratégica, o que aumenta a eficácia da campanha.


E o melhor: é possível ser um anunciante conveniente.  Com este tipo de mídia, você não apenas pode escolher quem verá seus anúncios, evitando que eles cheguem a pessoas desinteressadas, como também pode escolher onde ele vai aparecer, quando e de que forma.

3 visualizações

VAMOS CONVERSAR

  • YouTube
  • LinkedIn
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Branca Ícone Pinterest

© 2019 por Eduardo Campelo